plano orçamentário
SEGURA CONTABILIDADE

SEGURA CONTABILIDADE

Como definir um plano orçamentário para construção? Veja a maneira correta de fazer

O plano orçamentário é essencial para qualquer tipo de projeto. Por ser mais complexo, os projetos da área da Construção podem estar fadados ao fracasso caso não haja um orçamento.

O plano orçamentário é o passo inicial para uma construção. E ele pode determinar o sucesso ou o fracasso desse projeto.

Esse Planejamento é um desafio para muitas empresas, principalmente aquelas sem muita experiência.

Por isso, entender como funciona esse plano e aprender como elaborá-la pode ser o segredo de uma obra perfeita.

E para ajudar neste processo, separamos dicas que tornam essa experiência um pouco mais fácil. Não importa qual o tipo e construção, elas são indispensáveis para a eficiência do projeto. 

Confira!

Separamos mais alguns materiais para você, confira também:

Plano Orçamentário: qual a definição?

O plano orçamentário é a projeção de despesas, custos, investimentos e receitas de um projeto.

Sua função é embasar o processo de tomada de decisões para que se alcancem as metas definidas, sem deixar de cuidar da saúde financeira.

Um orçamento eficiente é a chave para que um projeto, ao sair do papel, se mantenha dentro da realidade de suas finanças.

Antes de iniciar a obra é preciso definir seus passos. Para que assim não haja atrasos e transtornos com falta de materiais, por exemplo.

Infelizmente, as pessoas já associam obras a todos esses transtornos. Mas isso ocorre justamente por falta de um planejamento correto.

Sem o plano orçamentário certamente haverá problemas, inclusive os de ordem financeira.

Afinal, realizar uma obra demanda dinheiro. Por isso, o Plano orçamentário faz total diferença.

A elaboração de um plano alinhado a uma metodologia adequada e a mecanismos de monitoramento permitirá que não haja falta de material e a obra não sofra com atrasos.

Isso significa que ao invés do improviso e da correria haverá cronograma e organização. E o pontapé dessa organização é o plano orçamentário. Para que ele seja eficiente deve ser elaborado e relacionado a todas as etapas, sendo necessário apenas a gestão desse plano.

O plano permite que o projeto ganhe vida e se torne real a cada etapa concluída.

O que deve ser considerado na elaboração do plano orçamentário?

Um plano orçamentário perfeito deve conter todas as despesas, os custos e investimentos essenciais para a conclusão da obra.

Confira o que é necessário fazer antes de elaborar esse Plano.

Elaborar um Projeto executivo

O projeto executivo tem a função de descrever todos os processos e procedimentos, listando todos os materiais necessários.

Isso facilita a criação do planejamento e o deixa mais próximo da realidade, alinhando as necessidades do projeto as possibilidades oferecidas pelo proprietário da obra.

O projeto executivo auxilia o profissional responsável pela elaboração do plano orçamentário.

Afinal, as informações contidas nele servem de base para realização dos cálculos.

Cotar os preços

Cotar os preços significa procurar pelos menores e pelo melhor custo-benefício. Afinal, a compra de materiais é essencial para a qualidade da construção.

Todavia, é preciso manter a obra em um limite orçamentário. Qualquer insumo ou serviço deve ser cotado, nada deve ser ignorado.

Por exemplo, serviços prestados por eletricistas ou compra de encanamento. Ambos devem ser pesquisados em vários prestadores e lojas.

Isso porque todos os itens podem impactar negativamente o controle orçamentário.

Calcular os gastos da construção

Nenhum gasto deve ser ignorado. Tudo que for utilizado deve ser contabilizado. Afinal, todos os produtos, insumos e processos geram custos e despesas.

E se geram gastos de recursos financeiros devem ser relacionados para não haver situações desagradáveis, como, por exemplo, a suspensão das atividades por falta de material.

Além dos custos e despesas é importante acrescentar os tributos que incidem sobre os serviços prestados.

Assim como os encargos sociais e quaisquer outras taxas burocráticas necessárias à execução da obra.

Incluir o Lucro

O Lucro é mais que aquilo que se deseja receber ao investir em determinado projeto. Afinal, qualquer um que investe deseja receber uma vantagem em troca desse investimento.

Para calcular o lucro deve se aplicar uma porcentagem de forma linear em toda a tabela. E ao fechar os números parciais, se obtém também os números finais do orçamento da obra.

Ao encontrar o custo unitário básico da obra, basta multiplicá-lo pela área construída. E ainda acrescentar o lucro e despesas indiferentes.

Ou seja, é possível dizer que os custos totais mais os lucros representam o preço de venda da obra.

Sempre revise o plano orçamentário

O plano orçamentário deve ser sempre revisado e pode ser mudado sempre que for necessário.

Essa revisão permite encontrar possíveis inconsistências e falhas. E dessa forma pode ser adequado às necessidades e realidade das contas do projeto.

Ele pode ser considerado uma fotografia das finanças da obra em determinado período.

Logo, com o passar do tempo, dados como custos de insumos e quantidades devem ser atualizados.

Por isso, a preparação do orçamento é contínua e deve considerar flutuações do mercado, impostos e alíquotas novas e inovações tecnológicas que podem influenciar ou melhorar o projeto.

Como fazer uma planilha orçamentária?

As planilhas são ferramentas muito úteis na compreensão do orçamento de um projeto. Ela simplifica a leitura e ajuda o profissional a compreender os gatos com cada item.

A planilha pode ser mais simples e pode descrever o custo total dos serviços e o custo unitário somente.

Já os modelos mais complexos podem causar dúvidas em categorias e também subcategorias. Além de incluir tributos e lucros.

Por exemplo, dentro da Categoria Prosseguimento da Obra, podemos citar as subcategorias seguintes:

  • Infraestrutura;
  • Instalações elétricas e hidráulicas;
  • Cobertura;
  • Revestimento;
  • E outros.

Tenha apoio especializado para definir adequadamente seu plano orçamentário 

O objetivo deste artigo é sanar eventuais dúvidas a respeito do plano orçamentário para que ele seja elaborado mais facilmente.

Porém, é importante afirmar que sem profissionais experientes e habilitados é impossível elaborar um plano perfeito e eficiente.

A perfeição é necessária já que não há sucesso em qualquer tipo de sobra se não for elaborado  orçamento.

Esse planejamento envolve fatores baseados no que fazer e como fazer. Ele inclui todos os procedimentos necessários para garantir o cumprimento das etapas.

Todos os insumos e serviços devem ser considerados. Além dos custos e despesas indiretas.

Ademais, o plano orçamentário propicia a redução do desperdício de materiais e também de recursos financeiros.

A Segura Contabilidade conta com esses profissionais habilitados e necessários para a elaboração de um plano orçamentário perfeito.

Por isso, entre em contato conosco hoje mesmo!

FAÇA AQUI A DEFINIÇÃO DO SEU PLANO ORÇAMENTÁRIO – CLIQUE NESTE LINK E TENHA NOSSO APOIO

Classifique nosso post [type]
Summary
 Como definir um plano orçamentário para construção? Veja a maneira correta de fazer
Article Name
Como definir um plano orçamentário para construção? Veja a maneira correta de fazer
Description
O plano orçamentário é essencial para qualquer tipo de projeto. Para saber mais sobre este assunto, leia o nosso artigo!
Author
Publisher Name
Segura Contabilidade
Publisher Logo

Compartilhe esta postagem

Recomendado só para você
O pró-labore é a remuneração devida aos sócios de qualquer…
Cresta Posts Box by CP
× Fale agora com um consultor!